Pablo Vilela

História do Cerco de Lisboa

In Outras Revisões on 13 de julho de 2007 at 2:43 am

 

Bom lembrar que Saramago não é muito adepto da pontuação normal da língua portuguesa.

História do Cerco de Lisboa

José Saramago

deleatur.jpg

Disse o revisor, Sim, o nome deste sinal é deleatur, usamo-lo quando precisamos suprimir e apagar, a própria palavra o está a dizer, e tanto vale para letras soltas como para palavras completas, Lembra-me uma cobra que se tivesse arrependido no momento de morder a cauda, (…) Faça-me aí o desenho, mas devagar, É facílimo, basta apanhar-lhe o jeito, quem olhar distraidamente cuidará que a mão irá traçar o terrível círculo, mas não, repare que não rematei o movimento aqui onde o tinha começado, passei-lhe ao lado, por dentro, e agora vou continuar para baixo até cortar a parte inferior da curva, (…) em verdade lhe digo, senhor doutor, se me posso exprimir em estilo profético, que o interesse da vida onde sempre esteve foi nas diferenças.

Anúncios
  1. É facílimo, basta apanhar-lhe o jeito…)

    Pouxa!! Quisera eu ter tido esta singela e preciosa aula de Saramago no meu tempo de estágio no Senado! Meu chefe, o professor Joaquim Campelo, fazia algo nada do tipo e eu, seguindo o dele, fazia algo mais estrondoso ainda! rs Coitado de quem recebia as ementas, deve ter me xingado do tanto! rs Ainda bem que hoje uso o “c” cortado, nada melhor! 😉

  2. Estou a ler este livro. Bom a valer.

    Boa viagem, rapaz.
    Até amanhã.

    Braço.

  3. Estou lendo o livro agora para um trabalho da faculdade daqui a um mês, estou encontrando um pouco de dificuldade quanto a linguagem, mas a história é interessante. Nunca tinha lido romance de Saramago, esse especialmente vai ficar marcado, sua linguagem é diferente e nenhuma outro autor que eu já tenha lido chegou a ser parecido com a técnica do autor português. Malu!!!!!!!

  4. É questão de costume, Malu. A linguagem dele é realmente mais rebuscada que o normal; mas, depois que você se acostuma com a linguagem e com a pontuação, só lhe resta aproveitar personagens de uma profundidade ímpar. Faça uma boa leitura.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: