Pablo Vilela

País da Gramática

In Dia a Dia do Revisor on 14 de janeiro de 2008 at 11:34 pm

Ano passado, li Emília no País da Gramática, de Monteiro Lobato. Eu lia aquele belíssimo compêndio gramatical disfarçado de estória (como preferia ele) infantil e pensava: pena que meus futuros filhos não o poderão ler, pois muita coisa mudou. O livro, ainda que maravilhoso, ficou muito desatualizado após o advento da NGB. Poderia deixar a criança confusa com relação ao que aprende na escola.

Acordei hoje com a capa da Revista Língua: A Editora Globo prepara a versão turbinada do mais contundente manifesto sobre o ensino do idioma (…) A obra ganha cores, desenhos e uma atualização da nomenclatura. Mais perfeito impossível.

Conselho: compre a edição antiga, leia-a antes de abril (data provável da publicação) e faça, com seu filho, uma leitura comparada.

E sabe aquilo que acontece no lançamento de best-sellers como Harry Potter: leitores dormindo na porta da livraria para comprar o primeiro exemplar? Eu estarei lá.

Anúncios
  1. Que notícia boa! Em tempos de possíveis e desastrosos acordos ortográficos, uma novidade dessas é para alegrar qualquer pessoa de bom gosto. Eu comprarei, sem sombra de dúvida! Meus futuros filhos e minha sobrinha terão a oportunidade de conhecer (e amar, tomara) esse país da gramática.
    Beijos.

  2. Obaaaaa, os meus (futuros) filhos lerão as duas edições! 😀

    Beijo doce.

  3. Vc certamente sabe da ojeriza que Lobato tinha pela Gramática. Pode parecer paradoxo que ele, um artista das Letras, sentisse isso, mas uma bomba em Português na adolescência plantou-lhe na alma total aversão aos “gramaticudos”. Essa foi a base para escrever um livro que não só ensinava como questionava regras. Fico feliz com a revisão, apesar de temer a forma como será feita. Como lobatólogo, tudo que se refere a ele me interessa, ainda que com ressalvas.

    Aproveito também para indicar a leitura de “O colocador de pronomes”, magistral conto onde fica patente a relação de Lobato com os “pais” da língua.

    Abraço!

  4. Excelente dica, Rick. Esse eu ainda não li, mas vou já atrás.
    Também estou com um certo frio na espinha por causa dessa “atualização”, mas espero que seja uma reedição bastante criteriosa, feita por bons lingüistas, gramáticos e lobatólogos.

  5. Parece ser também uma boa idéia para a sala de aula!

  6. Olá Pablo,
    Tenho um blog pessoal e dias atrás resolvi fazer outro, no qual postaria várias coisas sobre “Nossa Língua Portuguesa”. Então, dando uma voltinha na net me deparei com seu blog.
    Simplesmente adorei! Parabéns!
    Sempre que tiver um tempo darei uma passadinha por aqui… há muita coisa interessante para ser lida.
    Abraços

  7. Que bom que gostou, Patience. Deixe o link para os seus blogues. Só encontrei um e gostei muito.
    Também acho que vai ser ótimo para trabalhar com as crianças em sala de aula, Karenina.
    Beijos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: