Pablo Vilela

Companhia da Arte

In Outras Revisões on 17 de agosto de 2008 at 9:30 pm

A Poetriz nos presenteou com esta bela citação de Drummond.

Companhia da arte

Carlos Drummond de Andrade

Por outro lado, a solidão em si é muito relativa. Uma pessoa que tem hábitos intelectuais ou artísticos, uma pessoa que gosta de música, uma pessoa que gosta de ler nunca está sozinha. Ela terá sempre uma companhia: a companhia imensa de todos os artistas, todos os escritores que ela ama, ao longo dos séculos.

Anúncios
  1. Que surpresa! O presente quem ganhou fui eu, com certeza! rsrsrs…

    E depois que li esse trecho de Drummond, nunca mais aceitei sentir solidão à toa. Ao meu lado (leia, na bolsa) sempre carrego algum livro, assim nunca deixo meus pensamentos soltos pra se sentirem sozinhos…

    Bjs!

  2. Muito legal mesmo, esse trecho de Drummond.. ^^

    Abraços..

  3. Ai, o Drummond…!
    A melhor frase para mim foi: “uma pessoa que gosta de ler nunca está sozinha”.

    Me sinto muito bem em saber que plantei uma sementinha em meus alunos (na época de sala de aula…) ao mostrar para eles a importância do hábito de ler. Até hoje colho frutos. Sempre recebo recadinhos de antigos alunos me falando dos livros que estão lendo, das redações premiadas etc, etc.

    Acho que fugi do tema, desculpem-me, estou meio nostálgica hoje, rs*

  4. Oi!
    Adorei esta frase! =-)
    Livro, além de informar, divertir, acompanhar, ajuda a acalmar os nervos… Hi,hi,hi. Vi hoje que uma nadadora, de tão nervosa que estava na véspera da final, começou a ouvir Harry Potter (no audio book) e ajudou a acalmá-la! Livro, 1000 funções… 😀
    Paulinha

  5. Maravilhoso Drummond de Andrade…

    Abraço Helena

  6. Assim vamos brigar, Poetriz, porque continuo achando que quem deu o presente para nós foi você. 😀
    Juliana, espero vê-la mais vezes por aqui. Obrigado pelo comentário.
    Isso deve dar uma satisfação enorme, mesmo, Magda. Só isso já vale todo o esforço de ser professor.
    Sério que ela fez isso, Paulinha? Se todos os atletas brasileiros fizessem isso, teriam resultados muito melhores.
    Ele é muito bom mesmo, Helena. É dos poucos escritores que conseguem ser primorosos tanto fazendo rir quanto falando sério.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: