Pablo Vilela

Archive for janeiro \31\UTC 2009|Monthly archive page

Movidos pela Paixão

In Cadê o Revisor? on 31 de janeiro de 2009 at 11:32 pm

fuck-fiat

Não costumo citar nomes. Ademais, cada um nomeia sua empresa como quer. Nem me incomodo que seja estrangeiro. Mas tudo tem limite.

Antes que você pense que é piada, telefonei para conferir. Atendeu a simpática telefonista: Fuck, boa tarde. Quase devolvi a gentileza, mas preferi perguntar: Cadê o Revisor?

Bem, ao menos o slogan combina.

A Coisa

In Outras Revisões on 30 de janeiro de 2009 at 11:39 pm

Gosto muito de descrições de bibliotecas, principalmente das mais antigas.

O Livro

H. P. Lovecraft

Aquele lugar era muito velho, e as estantes que subiam ao teto cheias de volumes apodrecendo se estendiam infinitamente por salas internas e alcovas sem janelas. Havia, além disso, grandes pilhas disformes de livros no chão e em toscas arcas; e foi em uma dessas pilhas que eu achei a coisa.

Entrevistando o Revisor

In Eis o Revisor on 26 de janeiro de 2009 at 4:00 am

Eis o Revisor. O desconforto com a câmera é patente; mas o recado, parece-me, foi transmitido.

Neste segundo aniversário, um presente para você que nos prestigia. Temos uma nova categoria. A cada bimestre, publicaremos a entrevista ou o ensaio de um revisor.

Como sugeri, usaremos a nova grafia, evitando as palavras que mudaram.

E, se pensa que Brasília não tem praia, veja que se engana.

Às Vezes Nunca

In Outras Revisões on 25 de janeiro de 2009 at 11:58 pm

Um pouco de música para alegrar o blogue neste fim de domingo, véspera de aniversário.

Às vezes nunca

Humberto Gessinger

Às vezes nunca sei se as vezes leva crase
Às vezes nunca sei em que ponto acaba a frase (.,;?!…)
Você sempre soube (eu não sabia)
Toda frase acaba num riso de auto-ironia

(…)

E, se eu escrevesse sem com s, ou escrevesse cem com c?
Por acaso faria alguma diferença?
Que diferença faria?

Tratado Médico

In Dia a Dia do Revisor on 23 de janeiro de 2009 at 1:44 am

Sonhei que, por decreto, os órgãos mudavam de posição. Fígado, pâncreas e vesícula se espremiam do lado esquerdo. Rins ocupavam o lugar do fígado. Pulmões colavam um no outro. A resolução retirava o baço por considerá-lo desimportante, mas mantinha o apêndice.

Alegavam que o tratado facilitaria o trabalho dos cirurgiões. Com uma única incisão, resolveriam vários problemas. A discussão entre médicos e autoridades era generalizada.

Acordei pensando como seria perigoso e tumultuado o período de transição.

Arma Poderosa

In Outras Revisões on 19 de janeiro de 2009 at 6:22 am

arma-educacao

Arma poderosa

Nelson Mandela

A educação é a arma mais poderosa que você pode usar para mudar o mundo.

Nova Primeira Vez

In Dia a Dia do Revisor on 17 de janeiro de 2009 at 1:03 am

Minhas preces foram atendidas no ano passado e a mudança demorou a chegar de fato a minha vida. Ontem, porém, revisei meu primeiro texto com as novas normas.

Foi tranquilo, sem maiores consequências. Foram essas as únicas palavras alteradas no texto de vinte páginas. Nada de hífen, nada de acento. Só os dois pobres tremas. Tanto alarde, tanto prejuízo, tanta dor de cabeça por quase nada.

Cadê o Volp?

In Preciosidades on 13 de janeiro de 2009 at 3:29 pm

Só me pergunto como é que a equipe de revisão dos dicionários está se virando sem o Volp.

Olavo Panseri

Universalização

In Outras Revisões on 12 de janeiro de 2009 at 11:31 pm

O texto completo, que nos foi trazido pela Milena, está em Zero Hora do último domingo.

Universalização

Flávio Tavares

Se retirar acentos universalizasse o mundo, não haveria matanças na Faixa de Gaza, pois o hebraico e o árabe não têm acentos gráficos!

A reforma ortographyca esquece que a etimologia e a fonética dão vida à língua e à cultura.

Hora da Leitura

In Hora da Leitura on 11 de janeiro de 2009 at 11:58 pm

clock-booksO aniversário do Cadê o Revisor? está chegando e você não sabe o que me dar de presente? Seus problemas acabaram.

Este livro-relógio é o presente ideal. Você pode escolher. Há o modelo preto, sóbrio. O retrô tem ponteiros em estilo clássico. No mais bonito, o colorido, os livros são desalinhados.

Terá de buscá-lo na Holanda, pois não entregam aqui, mas isso não há de ser incômodo para você.

Aconteceu Comigo

In Dia a Dia do Revisor on 7 de janeiro de 2009 at 9:52 pm

No final do curto texto, lá estava: consequência. O redator estava ao lado. Estremeci: Já vai adotar? Sorriu maroto: Já está valendo. Baixei a cabeça. Deixei sem trema. Voltei ao início do texto. Pensei alto: Deixe-me tirar o acento do título Idéia Criativa. O redator protestou: Devolva o trema!

Está Valendo

In Dica do Mês on 4 de janeiro de 2009 at 11:30 pm

Já está valendo, não está? Contra toda a nossa torcida, ele chegou e parece que vai ficar. Agora torçamos para que os estragos sejam menos devastadores do que esperamos.

Em vez de uma dica, então, uma reunião delas em um teste divertido e instrutivo sobre o novo famigerado acordo ortográfico (que continuo grafando em minúscula por não merecer mais que isso).

A indicação do teste é do amigo Olavo, da comunidade Revisores, fonoaudiólogo dos mais competentes e grande apreciador da língua portuguesa.

Divirta-se e aprenda.

Fragmentos

In Outras Revisões on 3 de janeiro de 2009 at 3:56 am

Para não perder o hábito, um pouco sobre livros antigos.

Fragmentos

Fabrício Carpinejar

Pouco crescemos
no que aprendemos,
o sabor

de um livro antigo
está em jovem
esquecê-lo.

Eu alterei
a ordem do teu ódio.
Fiz fretes de obras

na estante.
Mudava os títulos
de endereços

em tua biblioteca
e rastreavas, ensandecido,
aquele morto encadernado

que ressuscitou
quando havias enterrado
a leitura,

aquele coração insistente,
deixando atrás uma cova
aberta na coleção.

Ano Novo, Cara Nova

In Dia a Dia do Revisor on 1 de janeiro de 2009 at 12:15 am

Não adianta atualizar a página. O Cadê o Revisor? mudou. Não é definitivo. Até o aniversário, no fim do mês, você decidirá se esta será uma fachada de férias ou a cara final. À primeira vista, também estranhei. Hoje gosto muito. Nosso profundo agradecimento à Cássia pela infinidade de bens que tem proporcionado ao blogue nestes dois anos (inclusive a idéia do novo visual).

Vantagens? Temos a sonhada busca. Temos mais recursos. Temos um visual diferente, moderno para uns, retrô para outros.

Haverá falhas, que serão, com sua ajuda, solucionadas. Aproveite o tempo livre para fazer o reconhecimento do novo blogue. Há uma enquete em que podemos votar no visual predileto. Opine.