Pablo Vilela

Pão Nosso

In Preciosidades on 6 de abril de 2009 at 11:58 pm

eating_books_by_plumyProduzir um texto é como fazer pão. Você precisa deixar o texto descansar. Se o texto não tiver o seu tempo de crescimento, há coisas se passando ali que você não vai captar e o negócio vai desandar. Depois de saído do forno e posto em cima da mesa, é que você vai perceber que o seu produto… abatumou.

Li

Anúncios
  1. Gostei, e usarei para refletir quando escrever meus próximos textos!

  2. Sim, a alegoria ficou perfeita! 😉

  3. Toda Páscoa faço pão para dar de presente aos amigos para que se lembrem do pão que desceu do céu. Sua comparação foi de encontro a minha tradição. Texto bom é texto bem sovado.

  4. É muito importante, Selma, ler, reler, copidescar, revisar. Quanto mais melhor.
    Identifico-me demais com esse texto da Li, Debby, pois demoro horas para escrever um texto de algumas linhas.
    Agora poderia dar um pão e um livro, Maysa. 🙂

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: